Seminário LABÔ de Verão – 2020 / Dia 2

Literatura e Ciências Humanas

Dia 2 – 11 de dezembro

9h30 – Palestra de abertura

A filosofia como disciplina humanista: uma homenagem a Bernard Williams

Eduardo Wolf
10h15 – Mesa 5
Mediação: Wilma De Tommaso
As virtudes clássicas e a Eudaimonia na lógica da sociedade cristã medieval segundo Dante Alighieri

Rodrigo Pucci

Sobre a origem do mal: influência de Santo Agostinho no pensamento de São Tomás de Aquino

Leandro Jr. Leite

A iconografia de São Francisco na Cripta de São Pio em San Giovanni Rotonto nos mosaicos de Marko I. Rupnik

Adriano Cézar de Oliveira

12h00 – Mesa 6
Mediação: Fernando Amed
Rand e a razão como um absoluto. O imerecido: amor, culpa e ressentimento

Carolina Rabello Padovani

A crise do amadurecimento na obra O Deus da Carnificina

Carlim Silva Paravidino

O filho de mil pais e mil mães e a criança em nós: um diálogo entre Valter Hugo Mãe e C. G. Jung

Sandra Queiroz e Camila Ferrari

14h00 – Mesa 7
Mediação: Lilian Wurzba
Confissões de um velho cronista: uma juventude para Nelson Rodrigues

Giordano Moreira Pienegonda

O conceito de experiência religiosa: um paralelo entre Nelson Rodrigues e C. G. Jung

Ludmilla Lessa

15h40 – Mesa 8
Mediação: Daniele Batagin
Instabilidade ou ditadura: a sanha brasileira em confundir autoritarismo com estabilidade política

Paulo Tinoco Cabral Filho

Direito e morte em Antígona: paralelos entre nossa legislação sucessória e a tragédia grega de Sófocles

Rachel Calegário

A literatura e a busca de sentido na vida e obra de Viktor E. Frankl

Juliana A. Labes Moro

17h15 – Conferência de encerramento

Mística cristã – desafios às fronteiras da linguagem e vivência do sagrado – Hadewijch da Antuérpia: as 12 horas sem nome

Maria José C. do Amaral e Maruzânia Dias

LABÔ no Spotify