Autores

Abdon Menezes

Advogado atuante nas áreas de direito civil, direito do consumidor e direito imobiliário. Graduado em direito pela Universidade Católica de Salvador/Ba. Pós-Graduado em Direito Tributário pela Universidade Federal da Bahia. Pesquisador do Núcleo de Filosofia Política e do Grupo de Pesquisa em Cultura Política no Brasil, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Adriana Novaes

Pós-doutoranda do Departamento de Filosofia da Universidade de São Paulo e pesquisadora do Projeto “Bolsonarismo: o novo Fascismo Brasileiro” do Laboratório de Política Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ. É autora de O canto de Perséfone e de Hannah Arendt no século XXI: a atualidade de uma pensadora independente.


Alex Strum

Engenheiro formado pela Politécnica da USP, com especialização em Administração de Empresas pela FGV. Pesquisador do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – Labô.


Alvaro Gadelha

Graduando em jornalismo pela faculdade Cásper Líbero. Pesquisador do Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


André Anéas

Doutorando e mestre em Teologia pela PUC-SP e bacharel em Teologia pela Faculdade Teológica Batista de SP, na qual é coordenador da pós-graduação e docente. É autor do livro “A racionalização da experiência de Deus” (2019). Coordena o grupo de pesquisa Teologia Cristã e Religião Contemporânea do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


André Spritzer

Doutor em Computação pela UFRGS, com estágio de pós-doutorado no INRIA (Aviz/Paris) e na UFRGS. Pesquisou Ciência Política e Relações Internacionais na UoL/LSE.


André Vinícius Souza Castro

Graduando em teologia pela Faculdade Latino Americana e membro do grupo de pesquisa Teologia Cristã e Religião Contemporânea do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Andréa Kogan

Doutora em Ciências da Religião pela PUC-SP, autora do livro “Espiritismo Judaico”, assistente acadêmica do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – Labô, onde também coordena os grupos de pesquisa sobre Morte e Pós-Morte e Judaísmo Contemporâneo.


Andrei Venturini

Doutor em Filosofia, professor no Instituto Federal de São Paulo (IFSP), membro da Associação Brasileira de Filosofia da Religião e pesquisador do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Augusto César Acioly Paz Silva

Doutor em História pela UFPE, professor da AESA-CESA – Arcoverde/PE. Integrante do Grupo de Pesquisa em Comportamento Político do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Ayrton Yuri Alves Souza

Acadêmico de psicologia e Membro Fundador da Liga Acadêmica de Psicanálise e Psicopatologia da Universidade Nove de Julho. Pesquisador do Núcleo de Filosofia Política e do Grupo de Pesquisa A Crise do Amadurecimento na Contemporaneidade, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo /PUC-SP – LABÔ.


Bruno Garbim de Medeiros

Bacharel em Teologia pela Faceten – Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil, Licenciado em História pelo Centro Universitário Sumaré, Pós-graduando em Filosofia e Ensino de Filosofia pelo Centro Universitário Claretiano e pesquisador do Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Carla Almeida

Psicanalista Lacaniana. Mestre em Ciência da Religião pela PUC/SP. Bacharel em Direito e Especialista em Educação e Religião pela Faculdade Messiânica. Pesquisadora na área da Psicanálise Lacaniana e Literatura de Nelson Rodrigues. Coordenadora do Grupo de Estudos sobre Nelson Rodrigues no Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Carlos Sousa

Graduado em Filosofia e mestre em Ciências da Religião. Docente do curso de Filosofia do Seminário Maria Mater Ecclesiae e pesquisador do Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Carolina Rabello Padovani

Pós-doutora em Ciências pelo Instituto de Psicologia da USP. Doutora e Mestre em Ciências pelo Instituto de Psicologia da USP. Especialista em Neuropsicologia pelo CEPSIC do HCFMUSP. Psicóloga, bacharel e licenciada pelo Instituto de Psicologia da USP. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa sobre Comportamento Político do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Cauê Ribeiro Fogaça

Bacharel em Filosofia pela Faculdade de São Bento-SP e graduando em Teologia pela PUC-SP. Pesquisador do Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Cristina Achcar

Aluna especial no Programa de Pós-graduação de Letras da UNIFESP. Tradutora e Intérprete no par de idiomas portuguêsespanhol. Pesquisadora do grupo de estudo Nelson Rodrigues: Literatura, Filosofia e Religião do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Daniele Batagin

Psicóloga clínica. Mestre em Ciência da Religião pela PUC-SP. Pesquisadora do grupo de estudo Nelson Rodrigues: Literatura, Filosofia e Religião do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Danit Zeava Falbel Pondé

Psicanalista, mestre e doutora em filosofia da psicanálise, professora e supervisora no Instituto Brasileiro de Psicanálise Winnicottiana (IBPW) e coordenadora do grupo de pesquisa A Crise do Amadurecimento na Contemporaneidade no Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Diego Willian dos Santos

Mestre em Teologia pela PUC-SP. Pós-graduado em Processos Formativos em Seminários e casas de Formação. Bacharel em Teologia pela Faculdade Dehoniana. Licenciado em Filosofia pela Universidade de Sorocaba. Pesquisador do grupo A imagem de Deus: Religião, história e Arte, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Eduarda Kathelen R. Neves

Pesquisadora do Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo /PUC-SP – LABÔ.


Eduardo Oyakawa

Pós-doutor em Filosofia, Subjetividade, Cultura e Artes na UNIFESP, Doutor em Ciência da Religião, Linguagem e Mística Judaica pela PUC-SP, Mestre em Ciência da Religião, Filosofia da Religião pela mesma instituição. Pesquisador do Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Elizabeth Corey

Professora assistente de Ciência Política no Honors Program na Universidade de Baylor. Ela é autora de Michael Oakeshott on Religion, Aesthetics and Politics, pela University of Missouri Press, 2006.


Emilly Cordeiro

Emilly Cordeiro é Acadêmica de Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo; integrante do Grupo de Pesquisa Hiper-Religiosidade: A Prisão da Fé na Era das Liberdades, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Fabiano Mina

Formado em Filosofia, mestre em Filosofia da Religião. Coordenador da pós-graduação da Faculdade Exato. Professor da pós-graduação da Faculdade Teológica Batista de São Paulo (História e Metodologia) e do Ensino Médio do Colégio Batista e Rede Pública Estadual. Coordenador e pesquisador do Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Fábio Jesus

Graduado em Sociologia e Política e em Serviço Social com especialização em História, Relações Sociais e Cultura. Pesquisador do grupo de pesquisa em Cultura do Consumo, Sociedade e Tendências, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Fernando Amed

Doutor em História Social pela USP. Historiador pela FFLCH da USP, professor da Faculdade de Comunicação da Faap e do curso de Artes Visuais da Belas Artes de São Paulo, autor de livros e artigos acadêmicos. Coordenador do Grupo de Pesquisa sobre Comportamento Político do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Filipe Campello

Professor Adjunto no Departamento de Filosofia da Universidade Federal de Pernambuco, coordenador do Núcleo de Estudos em Filosofia Política e Ética (NEFIPE / UFPE) e pesquisador do CNPq. Doutor em Filosofia pela Goethe-Universität Frankfurt, realizou pós-doutorado na The New School for Social Research, tendo recebido o Fulbright Junior Faculty Member Award. É membro permanente da Red Latinoamericana de Estudios sobre el Reconocimiento (RELAER) e membro do Núcleo de Sustentação do GT-Teoria Crítica da ANPOF. É autor de “Die Natur der Sittlichkeit: Grundlagen einer Theorie der Institutionen nach Hegel” (Transcript, 2015) e co-autor de “Modernizações Ambivalentes: Perspectivas Interdisciplinares e transnacionais” (Edufpe, 2016). Atualmente coordena o Programa de Mestrado em Filosofia da UFPE.


Flávia Arielo

Historiadora e Professora do curso de História do Centro Universitário Sagrado Coração. Doutora em Ciências da Religião pela PUC-SP. Pesquisadora do Grupo de Estudos sobre Nelson Rodrigues do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia – LABÔ.


Flávia Sarinho

Advogada nas áreas de direito comercial, bancário e projetos de infraestrutura. Formada em direito pela UFRJ (1996), Pós graduada pelo IBMEC-RJ (2001) e pesquisadora do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Francisco Carlos Gomes

Psicólogo Clínico e Logoterapeuta. Mestre em Psicologia Social pela PUC-SP. Fundador e diretor clínico do Núcleo de Logoterapia AgirTrês. Coordenador do grupo de pesquisa "O vazio existencial na contemporaneidade e as possibilidades de realizar sentido” do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ


Francisco Etruri Parente

Bacharel em cinema pela FAAP, mestre e doutorando em comunicação e semiótica na PUC-SP e especialista em filosofia na Universidade Estácio de Sá. É pesquisador do grupo de pesquisa Cultura do Consumo, Sociedade e Tendências, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Gilberto Lombardo Jr

Mestre e Bacharel em Filosofia, com especialização em Metafísica e Ciências pela Pontifícia Universidade da Santa Cruz (Roma). Docente e Diretor da Faculdade de Filosofia do Instituto São Boaventura. Docente do curso de Filosofia do Seminário Maria Mater Ecclesiae do Brasil. Pesquisador do grupo de pesquisa "O Vazio existencial na contemporaneidade e as possibilidades de realizar sentido", do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Gustavo da Silva Fernandes

Acadêmico de Relações Internacionais pela PUC-SP; integrante do Grupo de Pesquisa em Hiper-Religiosidade: A Prisão da Fé na Era das Liberdades, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Gustavo Laureano Pinto

Bacharel em Filosofia pela Faculdade de São Bento-SP e graduando em Teologia pela PUC-SP. Pesquisador do Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Idelber Avelar

Professor Titular de Estudos Latino-Americanos na Universidade Tulane, em New Orleans. Entre seus livros, contam-se Figuras da violência: ensaios sobre narrativa, ética e música popular (UFMG, 2012), Crônicas do estado de exceção (Azougue, 2014) e Transculturación en suspenso: los orígenes de los cánones narrativos colombianos (Caro y cuervo, 2016).


Isadora Goldberg Sinay

Doutoranda em Literatura Judaica pela USP, com pesquisa sobre a obra de Philip Roth. É mestre em Ciências da Religião pela PUC-SP e graduada em Cinema pela FAAP. Atua nas áreas de literatura judaica e americana, judaísmo contemporâneo, estudos da memória e ciências da religião.


Ismael Marques

Acadêmico de Teologia na Faculdade Refidim de Joinville; integrante do Grupo de Pesquisa em Hiper-Religiosidade: A Prisão da Fé na Era das Liberdades, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


José Altran

Doutorando em Filosofia pela USP, mestre em Ciência da Religião pela PUCSP e licenciado em Filosofia pela UCB. Pesquisador do Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Juliana A. Labes Moro

Psicóloga clínica, psicanalista, logoterapeuta. Mestre em Psicologia Clínica pela PUC-SP. Pesquisadora do grupo de pesquisa “O Vazio existencial na contemporaneidade e as possibilidades de realizar sentido", do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Justin Subow

Graduado pela Yale Law School e trabalha na intersecção entre leis e mídias sociais em Washington. É autor de The Gehry Towers Over Eisenhower: The National Civic Art Society Report on the Eisenhower Memorial.


Kelma Mazziero

Graduada em Direito, com pós graduação em Ciências da Religião (lato sensu). Pesquisadora do grupo de pesquisa “O vazio existencial na contemporaneidade e as possibilidades de realizar sentido” do Laboratório de Política Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Larissa de Araújo

Acadêmica de Psicologia da Universidade de Taubaté. Pesquisadora do Núcleo de Filosofia Política e do grupo de pesquisa sobre A Crise do Amadurecimento na Contemporaneidade, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Larissa de Araújo e Lorraine Bim

Acadêmicas de Psicologia da Universidade de Taubaté. Pesquisadoras do Núcleo de Filosofia Política e do grupo de pesquisa sobre A Crise do Amadurecimento na Contemporaneidade, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Leandro Bachega

Licenciado em Filosofia pela Faculdade de São Bento-SP, mestre e doutorando em Filosofia pela PUC-SP. Pesquisador nos grupos de Filosofia Política e Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ


Leopoldo Cavalcante

Graduado em Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. Criador do Instagram literário @resenhador_ e articulista de cultura no jornal cearense Focus. Pesquisador no Núcleo de Estudos Agostinianos do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ


Lívia Andrade Rosa

Arquiteta e urbanista; pós-graduada em Arquitetura, Educação e Sociedade pela Escola da Cidade; integrante do Grupo de Pesquisa em Hiper-religiosidade do Laboratório de Política Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Lorraine Bim

Acadêmica de Psicologia da Universidade de Taubaté. Pesquisadora do Núcleo de Filosofia Política e do Grupo de Pesquisa A Crise do Amadurecimento na Contemporaneidade, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo /PUC-SP – LABÔ


Ludmilla López Lessa

Psicóloga clínica, com abordagem Junguiana. Mestre em Psicologia Clínica pela PUC-SP. Pesquisadora do grupo de estudos sobre Nelson Rodrigues do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Luiz Bueno

Bacharel e Mestre em Filosofia, Doutor em Ciências da Religião e coordenador do Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Luiz Felipe Pondé

Filósofo. Diretor Acadêmico do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Luiz Malheiros

Jornalista e especialista em Língua Portuguesa: Gramática e Uso, pela Universidade de Taubaté (Unitau). É pesquisador do grupo de pesquisa Cultura do Consumo, Sociedade e Tendências e do Projeto Bolsonarismo: o novo fascismo brasileiro, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia, da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Marcos Oliva

Formado em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Nove de Julho. Pós-graduado em Cinema, Fotografia e Vídeo: Criação em Multimeios pela Anhembi Morumbi. Pesquisador do grupo A imagem de Deus: Religião, História e Arte do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ,


Andréa Kogan e Maria Cristina M. Guarnieri

Andréa Kogan é Doutora em Ciências da Religião pela PUC-SP, autora do livro “Espiritismo Judaico”, assistente acadêmica do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – Labô, onde também coordena os grupos de pesquisa sobre Morte e Pós-Morte e Judaísmo Contemporâneo.
Maria Cristina M. Guarnieri é Psicóloga, Mestre e Doutora em Ciências da Religião (PUC-SP), docente do IJEP (Instituto Junguiano de Ensino e Pesquisa), Autora dos livros “Do fim ao começo: falando de morte e luto para adolescente” (Editora Paulinas) e “Angústia e Conhecimento: uma reflexão a partir dos pensadores religiosos” (Editora Reflexão). Coordena os grupos: Jung e a Filosofia da Religião e Morte e Pós-Morte do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – Labô.


Maria Cristina M. Guarnieri

Psicóloga, Mestre e Doutora em Ciências da Religião (PUC-SP), docente do IJEP (Instituto Junguiano de Ensino e Pesquisa), Autora dos livros “Do fim ao começo: falando de morte e luto para adolescente” (Editora Paulinas) e “Angústia e Conhecimento: uma reflexão a partir dos pensadores religiosos” (Editora Reflexão). Coordena os grupos: Jung e a Filosofia da Religião e Morte e Pós-Morte do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – Labô.


Maria Cristina Navarra

Advogada pela PUC-SP, graduada em História pela USP e pesquisadora do Grupo de Estudos sobre Morte e Pós-Morte do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Maycow Montemor

Jornalista. Pesquisador do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – Labô.


Michael Oakeshott

(1901–1990) – Pensador britânico que pesquisou e lecionou filosofia política e história do pensamento político. Graduou-se em Cambridge, onde também foi professor. Depois de servir nas forças britânicas durante a II Guerra Mundial, lecionou em Cambridge novamente, depois brevemente em Oxford até que obteve a cadeira de Ciência Política na London School of Economics, onde permaneceu até se aposentar e, mesmo depois, como colaborador.


Michel Gherman e Ronaldo de Almeida

Michel Gherman é Professor de História e co-coordenador do Núcleo Interdisciplinar de Estudos Judaicos (NIEJ) da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Doutor em História social pela UFRJ e Mestre em Antropologia e Sociologia pela Hebrew University of Jerusalem (Israel).
Ronaldo de Almeida é Doutor em Antropologia Social pela USP e tem Pós-doutorado na École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris. Atualmente, é Professor Livre-Docente no Departamento de Antropologia da Unicamp, além de pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap) e do Laboratório de Antropologia da Religião (LAR/Unicamp).


Paula Lobo

Psicóloga pela PUC-RJ. Mestre em administração pelo IBMEC-RJ. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa A Crise do Amadurecimento na Contemporaneidade, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo /PUC-SP – LABÔ.


Pedro Issa

Graduado e licenciado em História (FFLCH-USP) e Mestre em História Social (FFLCH-USP). Pesquisador no Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Rejane Araújo

Economista com graduação e mestrado pela FEA-USP. Bacharel em filosofia pela FFLCH-USP. Professora do Centro de Ciências Sociais Aplicadas da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Pesquisadora do Grupo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Rodrigo Cássio Oliveira

Doutorado em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) com pós-doutorado pela Università degli Studi di Pisa (Itália). Possui Mestrado e bacharelado em Comunicação Social pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e licenciatura em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás). Pesquisador visitante na Universidad de Buenos Aires (UBA-Argentina) pelo Programa de Mobilidade Docente da AUGM – Asociación de Universidades Grupo Montevideo em 2017. Membro da SOCINE – Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual. Parecerista de publicações acadêmicas na área de humanidades e artes, com foco em estudos de cinema, comunicação e filosofia.


Rodrigo Coppe

Historiador e professor do Programa de Pós-graduação em Ciências da Religião da PUC Minas. Pós-doutor em Filosofia social pela Universidade de Varsóvia (2020). É presidente do Conselho Científico da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Teologia e Ciências da Religião - ANPTECRE (2018-2020). É membro do Institut d’Étude du Christianisme (Strasbourg, França), investigador associado da rede de pesquisa Direitas, História e Memória. Coordena o GT Religião e Espaço Público na SOTER e o ST Catolicismo e política: entre conservadores e progressistas na ANPUH. É líder do Laboratório de Estudos em Religião, Modernidade e Tradição (LeRMOT) e um dos líderes da Rede de Pesquisa História e Catolicismo no Mundo Contemporâneo. Pesquisador do Projeto “Bolsonarismo: o novo fascismo brasileiro” do Laboratório de Política Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Rodrigo Toniol

Graduado em ciências sociais, mestre e doutor em antropologia social pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Realizou parte de seu doutoramento no programa de antropologia da University of California San Diego (UCSD). Foi pesquisador visitante no Global Health Institute da UCSD, nos Estados Unidos, no Ciesas/Guadalajara, no México e na Universidade de Utrecht, na Holanda. Realizou estudos de pós-doutorado no departamento de filosofia e estudos de religião da Utrecht University, Holanda. Atualmente é professor no departamento de antropologia e no Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Unicamp.


Rogério Tineu

Doutor em Ciências Sociais PUC-SP. Mestre em Ciências da Comunicação ECA-USP, especialista em Docência no Ensino Superior UNICID, especialista em Economia do Turismo ECA/FIPE-USP e graduado em Ciências Econômicas pela Fundação Santo André. Coordenador do grupo de pesquisa Cultura do Consumo, Sociedade e Tendências, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Rosana Reimberg

Graduada em Psicologia e Pedagogia, com pós graduação em Psicopedagogia (Unisa) e em Gestão Pública para Supervisores de Ensino - lato sensu - (USP). Pesquisadora do grupo de pesquisa "O vazio existencial na contemporaneidade e as possibilidades de realizar sentido", do Laboratório de Política Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Ruth Steuer

Mestre e Doutora em Serviços de Saúde na Faculdade de Saúde-Pública da USP. Pós-Doutorado em Estudos Organizacionais na EAESP – FGV. Integrante do Núcleo de Filosofia Política do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Sharmila Sousa

Biomédica, M.Sc. em Medicine, Science & Society pelo King’s College London, Mestre e Doutora em Ciências (Medicina) pela Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo. É Embaixadora no Brasil da Research Impact Academy, e coordena o grupo de pesquisa $aúde 4.0, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.



Timothy Fuller

Professor de Ciência Política no Colorado College. Publicou muitos ensaios e editou livros, incluindo The Intellectual Legacy of Michael Oakeshott (2005), Reassessing the Liberal State (2001), The Voice of Liberal Learning: Michael Oakeshott on Education (2000), mais recentemente contribuiu com Political Philosophy in the Twentieth Century, Authors and Arguments (2011). Foi co-editor com Shirley Letwin de uma série em vários volumes para a Yale University Press, Selected Works of Michael Oakeshott.


Uiliam Grizafis

Graduando em jornalismo pela faculdade Anhanguera e membro dos grupos de pesquisa Teologia Cristã e Religião Contemporânea, Cultura Política no Brasil e Núcleo de Estudos Agostinianos, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.


Vinícius Müller

Doutor em História Econômica pela USP é professor do Insper e autor do livro Educação básica, financiamento e autonomia regional: Pernambuco, São Paulo e Rio Grande do Sul, 1850 – 1930 (Editora Alameda, 2018).


Wilma Steagall De Tommaso

Doutora em Ciências da Religião pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Professora no Museu de Arte Sacra de São Paulo (MAS SP). Membro Pesquisadora da Sociedade Brasileira de Teologia e Ciências da Religião (SOTER). Pesquisadora do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da Fundação São Paulo/PUC-SP – LABÔ.