A filosofia em Hannah Arendt

O Grupo de Pesquisa Hannah Arendt e a filosofia: significado e experiência viva, do Laboratório de Política, Comportamento e Mídia da PUC-SP, busca, por um lado, esclarecer a investigação empreendida por Arendt da história dos conceitos, grandes temas, teorias e argumentos que compõem nosso repertório de conhecimento, especulação e ação, para elucidar os modos pelos quais os significados – por exemplo, de poder, estado-nação, política, liberdade, pensamento e julgamento – aparecem e estabelecem nossa relação com o mundo. Por outro lado, o grupo busca estimular a compreensão dos desafios atuais no mesmo espírito, ou seja, a investigação das origens e dos elementos constitutivos da realidade, destacando a importância de compreender o que há de particular nos acontecimentos para vislumbrar novas perspectivas.

Coordenação: Adriana Novaes
Pós-doutoranda do Departamento de Filosofia da FFLCH-USP. É autora dos livros O canto de Perséfone, Hannah Arendt no século XXI e Cultivar a vida do espírito.

Publicações deste grupo: