Sala Michael Oakeshott

Por que estudar Michael Oakeshott?

Michael Oakeshott (1901–1990) foi um importante pensador britânico que pesquisou e lecionou filosofia política e história do pensamento político. Oakeshott se graduou em Cambridge onde também foi professor. Depois de servir nas forças britânicas durante a II Guerra Mundial, lecionou em Cambridge novamente, depois brevemente em Oxford até que obteve a cadeira de Ciência Política na London School of Economics, onde permaneceu até se aposentar e, mesmo depois, como colaborador.

Pensador de caráter cético, é considerado um filósofo conservador, mas à medida em que sua obra foi sendo estudada, vieram à tona importantes aspectos liberais de seu pensamento.

A obra que o consagrou como filósofo é “Experience and its Modes”, mas aquela que o tornou conhecido como profundo pensador da filosofia política é “Rationalism in Politics”, que além de importante ensaio é o título de uma coletânea de artigos que constituem um panorama abrangente de seu pensamento.

Oakeshott escreveu sobre muitos temas além da filosofia política em si, como história, educação, jurisprudência e moral. Mais recentemente, editores têm trazido ao público textos inéditos de Oakeshott, os quais têm enriquecido a pesquisa sobre sua obra e pensamento.

O Brasil começou a conhecer Oakeshott recentemente e poucos títulos seus estão publicados em português. Mas isso deve mudar em um tempo muito breve. O Núcleo de Filosofia Política do LABÔ dedica-se ao estudo da obra de Oakeshott por seu aporte de reflexões importantes e necessárias para o pensamento público brasileiro.

> Voltar para a Sala Michael Oakeshott

Áreas de referência